quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

FELIZ ANO NOVO

Para este ano novo o meu desejo é:

que o ódio deixe espaço para o perdão;
que o mal seja derrotado pelo bem;
que o desespero se torne felicidade;
que o egoísmo se transforme em altruísmo;
que o respeito pela vida de qualquer ser vivo seja mais forte neste mundo tão violento;
que a paz possa vencer a guerra;
que cada um de nos alcance o que deseja realmente para a sua própria vida e que conheça a verdadeira amizade e amor...

Este é o meu desejo para o Ano Novo que todos juntos estamos esperando.

Feliz Ano Novo para todos ...

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

BISCOITOS E SORVETE DE CHOCOLATE

Ingredientes:

500 g de leite
250 g de farinha
210 g de açúcar
200 g de chocolate amargo
150 g de manteiga
100 g de creme de leite
5 gemas
Casca de uma laranja (ralada)
Sal

Preparação:

Misture a farinha com 100 g de açúcar, a manteiga e 2 gemas de ovos, uma pitada de sal e casca de laranja ralada. Deixe o composto por cerca de uma hora na geladeira, embrulhado em filme plástico. Após esse período, abra para formar um folhado com uma espessura de cerca 4 mm, cortando 16 biscoitos com um molde oval (eu usei isso, mas você poderá usar uma outra forma). Coloque os biscoitos no forno a 170 graus por 14 - 15 minutos. Quando estiver prontos deixe esfriar. Entretanto, derreta em banho-maria os 140 g de chocolate, em outra panela aqueça o leite com o creme de leite. Em uma tigela bata 3 gemas com o açúcar restante e acrescente o leite pouco antes de ferver. Traga tudo de volta no fogo e deixe cozinhar. Desligue e adicione o chocolate. Deixe este creme congelar, mas antes acrescente algumas raspas de chocolate. Esta é uma forma de fazer o sorvete de chocolate, mas se você tiver a máquina de sorvete ou se preferir comprar um sorvete de chocolate já prontos, tudo certamente será mais fácil! Uma vez pronto o sorvete, recheamos os biscoitos como se fosse um sanduíche. Sirva depois com algumas gotas de chocolate.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

SALMÃO COM ESPINAFRES E RICOTA

Ingredientes:

800 g de salmão em files
250 g de espinafres limpos
200 g de leite
80 g de ricota
Cebolinha
Maisena
Manteiga
Azeite extra virgem
Sal

Preparação:

Cozinhe os espinafres em agua salgada por 2 minutos. Depois tire completamente a agua e coloque em uma tigela com agua e gelo, para dar o “choque térmico” e manter a cor verde viva dos mesmos. Faça ferver o leite e acrescente 1 colher de maisena, dissolvida em um pouco de agua. Misture tudo e acrescente os espinafres. Bata no liquificador até obter um creme liso. Pegue os files de salmão e coloque em uma frigideira com um pouco de azeite, bem quente. Coloque o salmão do lado da pele por cerca 2 minutos. Vire o salmão e deixe cozinhar por mais 2 minutos. Coloque o sal e retire. Pegue a ricota e misture com a cebolinha picada. Sirva os files de salmão ainda quentes com uma colher de ricota por cima. Acrescente no prato o creme de espinafre antes obtido e...Buon Appetito!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

RISOTTO DE LIMÃO

Ingredientes:

350 g de arroz
50 g de manteiga
½ cebola
1 l de caldo de legumes
½ copo de vinho branco seco
1 limão
Salsinha
Sal

Preparação:

Coloque a cebola em uma panela e deixe dourar com um pouco de azeite. Acrescente o arroz e deixe tostar, sem queimar. Coloque o vinho e deixe evaporar. Acrescente a casca ralada do limão. Inicie a despejar uma concha por vez de caldo, até que o arroz seja cozido. Agora coloque o suco do limão e a salsinha picada. Ajuste com o sal. Apague o fogo e despeje a manteiga. Faça descansar por 2 minutos e sirva.

domingo, 26 de dezembro de 2010

FETTUCCINE COM POLVO E MELÃO

Ingredientes:

250 g de massa tipo fettuccine (ou spaghetti)
250 g de polvo
250 g de melão
100 g de creme de leite
100 g de batatas
1 abobrinha
10 g de manteiga
1 xicara de tomates cereja
3 colheres de Azeite extra virgem
Sal e Pimenta branca

Preparação:

Coloque o polvo em uma frigideira e cozinhe em fogo baixo. Depois de bem assado, corte em anéis pequenos e coloque o sal e a pimenta.
Cozinhe as batatas em água fervente com sal e depois corte em cubos.
Corte a abobrinha em cubos, misture numa panela com manteiga e óleo, adicione os tomates, batatas, sal e pimenta. Acrescente o creme de leite, o polvo, deixe ferver e depois reserve. Corte o melão em tiras finas. Cozinhe a massa da forma tradicional e quando estiver “al dente” escorra e coloque em uma wok ou em uma frigideira grande. Acrescente o molho, antes preparado, com o polvo e cozinhe mexendo por mais 1 – 2 minutos. Sirva decorado com as fatias de melão.

Um truque: para deixar o polvo mais macio, cozinhe em agua com cenouras, aipo e cebola juntando uma rolha no final do cozimento. Neste período com todas as garrafas de Prosecco e Espumante não vão faltar em casa !

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

BUON NATALE !

Desejo um FELIZ NATAL a todas as pessoas que conheci este ano, aos velhos conhecidos, aos parceiros de tantas batalhas, aos meus seguidores, aos meus amigos de perto e de longe... que este Natal seja muito “doce” para todos e que o coração de cada um tenha muita paz e amor! BUON NATALE!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

PUDIM DE YOGURT COM CALDA DE MORANGO













Vamos preparar um pudim extremamente facil e com poucos ingredientes!

Ingredientes:

1 lata de leite condensado
1 l de leite
2 copos de yogurt natural
2 xícaras (de chá) de geleia de morango
2 copos de água
3 colheres (de sopa) de açúcar de confeiteiro

Preparacao:

Bata no liquidificador o leite, o leite condensado e o yogurt. Coloque numa forma úmida de pudim e leve para assar em banho – maria por 40 minutos em forno médio. Leve para gelar, Prepare agora a calda: numa panela coloque os copos de agua, a geleia de morangos e o açúcar. Leve ao fogo por 10 minutos até incorporar. Leve para gelar e depois de ter desenformado o pudim, cubra o mesmo com esta calda vermelha.





quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

LULAS RECHEADAS COM ARROZ EM CREME DE CENOURA

Ingredientes:

8 lulas
250 g de cenouras
200 g de arroz
80 g de manteiga
70 g de parmesão ralado
1 cebola
Vinagre branco
Azeite extra virgem
Sal
1 colher (de chá) de açafrão

Preparação:

Em uma panela, doure o arroz sem nada por alguns minutos, junte o açafrão e inicie a despejar água quente, ao pouco, até que o arroz alcance cerca 18 minutos do cozimento total. O arroz será neste ponto ainda duro. Desligue o fogo, coloque a manteiga, o parmesão e 1 colher de sopa de vinagre branco. Limpe as lulas e retire os tentáculos. Corte as bordas de cada lula, produzindo pequenas incisões, resultando assim algumas frangias. Recheie as lulas com arroz e doure por 2 minutos (cada lado) em um pouco de óleo quente. Reduza o fogo e acrescente os tentáculos, tampe a panela e cozinhe por mais 5 minutos. Em outra uma panela, doure a cebola, já picada e, adicione as cenouras fatiadas. Cubra com água e cozinhe por aproximadamente 10 minutos. As cenouras devem estar macias. Passe a cenoura no liquidificador até obter um creme. Tempere com um pouco de sal. Sirva colocando o creme de cenouras em cada prato e por cima duas lulas. Decore com folhas de salsinha e os tentáculos.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

CUBOS DE FILÉ MIGNON COM GELEIA DE LARANJA AMARGA E AZEITONAS PRETAS

Este é um prato que, visto a particular combinação de ingredientes e sabores tem todo o direito de entrar a fazer parte uma receita da culinária contemporânea, ou da Nouvelle Cuisine. Prato extremamente fácil na preparação com uma apresentação final realmente cativante.


Ingredientes:

500 de filé mignon
1 cenoura
1 cebola branca
Louro em folhas
500 ml de vinho tinto seco
150 g de geleia de laranja amarga ( + algumas colheres para a decoração final)
Sal e pimenta do reino
50 g de manteiga
10 azeitonas pretas
500 g de batatas
Leite
Parmesão ralado
Alecrim

Preparação:

Pegue o filé e doure na manteiga, cuidando que pegue uma cor em cada lado e depois deixe resfriar. Coloque a carne em uma panela com o vinho, a cenoura cortada, a cebola, as folhas de louro. Acrescente sal e pimenta. Leve a ferver. Quando a panela começar a borbulhar, acrescente as azeitonas e a geleia de laranja. Deixe cozinhar por cerca 2 horas. Cozinhe as batatas e prepare um puré acrescentando o leite, o parmesão ralado, a manteiga e o sal. Corte o filé mignon a cubos, o mais possível regulares. Sirva colocando no prato uma colherzinha de geleia, por cima o puré de batatas, o cubo de carne e despeje um pouco do molho da mesma carne. Para dar um toque ainda mais refinado e charmoso, decore com um galhinho de alecrim.

domingo, 19 de dezembro de 2010

RISOTTO COM CHAMPAGNE E LAGOSTINHAS

O risotto com lagostinhas e Champagne, é uma receita rica e deliciosa, que não se prepara para cada dia e, portanto, adequado para ocasiões especiais, tais como almoços ou jantares de Natal.
De fato, justamente por sua abordagem muito delicada, mas saborosa, entre o “perlage” do Champagne e as lagostinhas, este risotto veio com o passar do tempo, a ser considerado uma das receitas puramente típicas do período de Natal e do fim de Ano.
Definitivamente, uma ideia original e, ao mesmo tempo simples na preparação que os seus convidados irão apreciar...

Ingredientes para 4 pessoas:

1 dente de alho
1 l de caldo de peixe
80 g de manteiga
1 copo de Champagne
Azeite de oliva extra virgem (4 colheres de sopa)
Sal
Pimenta do reino
1 ramalhete de salsa
320 g de arroz para risoto
1 cebola branca
12 lagostinhas
1 copo de Cognac

Preparação:

Tire as cabeças das lagostinhas e limpe os crustáceos. Reserve as carcaças que usaremos para fazer o caldo. Vamos preparar o caldo de peixe. Se não tiver em casa carcaças de peixes, cabeças, etc. use um caldo já pronto. Antes disso pegue as carcaças das lagostinhas e coloque em uma panela com um pouco de óleo, a salsa picada e o copo de Cognac. Misture tudo por alguns minutos até que o Cognac evapore. Acrescente as carcaças ao caldo de peixe e deixe ferver. Pegue as lagostinhas e refogue na manteiga com um pouco de salsinha picada, coloque um pouco de sal e depois reserve. Agora prepare o risotto da forma tradicional. Coloque uma cebola branca picada na panela com um pouco de manteiga, doure ligeiramente. Depois despeje o arroz e faça tostar, sem que queime. Adicione o Champagne e deixe evaporar. Comece a misturar o arroz e acrescente ao pouco o caldo de peixe, bem quente. Quando o arroz estiver al dente, acrescente aa lagostinhas, um pouco de sal e a pimenta do reino. Misture por alguns minutos e, desligue o fogo acrescentando o restante da manteiga. Sirva o risotto polvilhado com um pouco de salsa picada. Se desejar decore cada prato com uma lagostinha inteira e ... Buon Appetito!

sábado, 18 de dezembro de 2010

TORTELLINI DE PRESUNTO Á MEDITERRANEA

Ingredientes:

300 g de Tortellini
250 g de azeitonas pretas
100 g de mussarela (cortada em cubinhos)
100 g de tomates cereja
100 g de cebola
30 g de alcaparras
1 colher (de sopa) de Azeite Extra Virgem
Sal e pimenta

Preparação:

Dourem a cebola, cortada a julienne, no azeite. Sucessivamente acrescente as alcaparras, as azeitonas e os tomates cortados em cubinhos. Cozinhe tudo por 2 minutos. Acrescente sal e pimenta (melhor se moída na hora). Cozinhe os Tortellini em abundante agua salgada. Nesta receitas estamos usando os Tortellini já prontos, para uma questão de praticidade e rapidez. Uma vez prontos, tire toda a agua e junte ao molho que estava já pronto. Misture por mais um minuto e coloque nos pratos. Antes de servir coloque por cima a mussarela cortada em cubinhos.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

NINHO DE REPOLHO

Desde sempre símbolo da vida e da fertilidade o ovo é um dos alimentos mais nutritivos e valiosos, contém proteínas completas contendo todos os aminoácidos essenciais para fornecer ao nosso organismo quantidades significativas de várias vitaminas e minerais, incluindo vitamina A, ácido fólico, vitamina B6, vitamina B12, colina, ferro, cálcio, fósforo e potássio. Além de todas essas qualidades é certamente um dos mais baratos alimentos que contêm todas estas proteínas completas.
Hoje, considerando todas estas coisas, proponho uma receita rápida e fácil ... NINHO DE REPOLHO

Ingredientes:

Ovos
200 g de repolho fresco
Folhas de hortelã
Orégano e temperos vários
Sal

Preparação:

Coloque o chucrute em círculo e coloque até três gemas de ovo cru apenas aquecido em banho-maria, acrescente hortelã e temperos a gosto. Uma pitada de sal e veja o que vamos obter: um prato simples, rápido e com uma carga energética incrível!

sábado, 11 de dezembro de 2010

LOMBO AO PORTO COM ESPUMA DE CAFÉ

Esta é uma revisão da receita do Lombo com espuma de café e fui inspirado por uma receita do Chef americano Bobby Flay. Se percebe a influencia da pimenta com o café, mas é reapresentada com um equilíbrio diferente e, certamente com um gosto muito aromático, especial e incomum. O prato tem a intenção de fornecer varias informações a todos os receptores do sabor no paladar: amargo (café, cacau), azedo (molho), saboroso (molho), doce (molho, creme de abóbora), crocante (com a crosta de especiarias), aromática (noz moscada, café, cardamomo). A combinação de carne de bovino/cacau/vinho tinto é também cientificamente compatível com as regras ditadas pela gastronomia molecular. Receita realmente particular, definitivamente vale a pena tentar também porque vai deixá-lo agradavelmente surpreendido pela inesperada harmonia dos ingredientes. É um prato complicado para se preparar, sem dúvida, por causa dos diferentes ingredientes que posteriormente serão reunidos em um mix para formar o nosso prato, mas o resultado é um festival de sabores! Para simplificar a explicação e a preparação, dividirei por parte ingredientes e etapas ...

Ingredientes:

Para a carne
1 colher (de sopa) de manteiga
4 medalhões de lombo bovino
Abobora
2 xicaras de caldo de legumes
1 colher (de sopa) de creme de leite
Cebolinha picada

Para o molho ao Porto
1 barra de Canela
½ l de vinho Porto
½ xicara de açúcar mascavo

Para a cobertura da carne
½ xicara de cacau
½ xicara de café em pó
1 colher (de café) de noz moscada
1 colher (de café) de pimenta de Caiena
2 colheres (de café) de sal
1 colher (de café) de açúcar mascavo

Para a espuma de café
1 xicara de café amargo
2 colheres (de café) de Cardamomo
1 colher (de sopa) de leite de soja

Preparação:

Pincele com manteiga os pedaços de carne e depois prepare o revestimento, simplesmente misturando todos os temperos cuidadosamente. Em seguida esfregue cada lado da carne, nas especiarias, fazendo que aderem bem. Esquente uma grelha. Agora vamos preparar o molho. Despeje o vinho Porto em uma panela junto com canela e açúcar mascavo. Deixe ferver em fogo baixo até que o molho não esteja mais consistente. Desligue e transfira para uma tigela com os temperos e deixe esfriar. Prepare o café colocando o cardamomo. A creme de abóbora é obtida simplesmente cozinhando alguns pedaços de abóbora no forno até que esteja completamente macia. Quando estiver pronta, coloque em um liquificador (ou use um mixer) acrescentando um pouco de caldo de legumes. Adicione sal e pimenta e coloque 4 ou 5 gotas de suco de limão para cada xícara de creme de leite. Quando a grelha estiver bem quente, grelhe cada pedado da carne, até que em cada pedado se forme as clássicas linhas escuras, que lembraram a mesma grelha. Durante este processo vamos a preparação da espuma de café. Misture algumas gotas de café quente na soja e, em seguida, coloque tudo na xicara com o café restante. Misture tudo com um mix para imersão, certificando-se que o composto pegue bastante ar. A espuma que se forma vai ser bastante estável e não é susceptível a desaparecer rapidamente. Sirva colocando em cada prato um fundo do molho com o Porto e por cima o medalhão. Acrescente o creme de abobora e a espuma de café no último minuto. Salpique com um pouco de cebolinha cortada.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

SURPRESA DE ARROZ

O arroz será escondido, mas será uma surpresa agradável!

Esta é uma nova receita que poderá ser apreciada mais uma vez para a capacidade do arroz de compactar-se e manter uma forma particular. Neste caso eu escolhi o arroz integral que combina bem com outros sabores e mantém os grãos após o cozimento bastantes crocantes. A abobrinha crua marinada vai dar uma nota particular e delicada também mantendo uma caraterística ligeiramente ácida, o que contrasta bem com o sabor do recheio. Uma folha de manjericão e especiarias do Oriente no recheio será a nossa surpresa.

Ingredientes:

160 g de arroz integral
2 abobrinhas
10 castanhas de caju
4 azeitonas pretas
2 folhas de manjericão
1 colher (de chá) de sal
½ colher (de chá) de corcuma
2 colheres de azeite de oliva
Suco de meio limão

Preparação:

Cozinhe o arroz em água levemente salgada por 20minutos, escorra e acrescente as azeitonas, as castanhas, o azeite e o açafrão. Fatie a abobrinha em tiras muito finas, coloque em um prato raso e polvilhe com uma pitada de sal e algumas gotas de suco de limão, deixe descansar por 15 minutos até a abobrinha se tornar macia e vai perder toda a água. Pegue uma forma (pode ser de cerâmica ou de alumínio) levemente untada com margarina e coloque nas paredes as tiras de abobrinha. Encha com o arroz temperado, fechando a parte superior com outras tiras de abobrinha. Deixe descansar por 30-45 minutos. Desenforme e sirva.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

PENNE AO MOLHO DE POLVO E BATATAS COM PERFUME DE TOMILHO

Ingredientes para 4 pessoas:

320 g de massa tipo “penne”
1 kg de polvo
2 de cebolas brancas
1 batata
1 ramalhete de tomilho
Sal
Pimenta preta
Azeite extra virgem de oliva

Preparação:

Ferva o polvo em água e sal com uma cebola por cerca 45 minutos. Deixe resfriar o polvo na sua água de cozimento, depois tire a pele e corte em cubinhos.
Pique outra cebola e doure no azeite por alguns minutos, acrescente o polvo e um pouco da água do cozimento do mesmo e ajuste com o sal e a pimenta. Adicione a batata, já descascada e cortadas em cubos pequenos. Enquanto isso, cozinhe a massa da forma tradicional e escorra quando ficar al dente e refogue por 2 minutos na panela onde tinha preparado o molho com o polvo e a batata. Sirva despejando por cima um pouco de azeite e de tomilho fresco.

Um conselho: escolha uma batata com uma massa não muito farinhenta e evite de cozinhar demais, caso contrário o amido da batata poderá ligar demais os ingredientes do molho. Lembre também que pimenta preta moída na hora é mais aromática.

domingo, 5 de dezembro de 2010

COFRINHOS DE ALFACE COM LINGUADO

Ingredientes:

300 g de files de linguado
Alface
1 xicara de azeitonas pretas (sem caroço)
1 xicara de azeitonas verdes (sem caroço)
30 g de pinoles ou castanhas de caju
15 g de uva passa
2 cebolas
Salsinha
Manteiga
Sal e Pimenta

Preparação:

Pique os filés de linguado e coloque-os em uma tigela. Doure a cebola já picada em 40 g de manteiga por cerca 1 minuto e despeje na tigela com o peixe. Adicione o sal, a pimenta e misture tudo. Pegue as folhas de alface, as mais bonitas e as mais resistentes e coloque em água fervente por cerca de 30 segundos. Em seguida as resfrie em água gelada e deixe secar em um pano de cozinha. Bata a parte central de cada folha (a parte branca é geralmente a mais dura ou crocante), utilizando um batedor para carne. Coloque o peixe no centro de cada folha e enrole, formando vários cofrinhos. Faça pressão com a mão em cada um, para compacta-los melhor. Derreta 30 g de manteiga em uma frigideira e coloque cada cofrinho por cerca de 2 minutos em fogo baixo. Retire e reserve, mantendo o fundo que se formou na frigideira. Coloque outra cebola picada em uma outra panela e adicione as azeitonas verdes, um pouco de pimenta, 1 xícara de água e 15 g de manteiga. Cozinhe por cerca de 2 minutos, reduzindo o líquido pela metade. Passe tudo no liquificador (ou em um mixer manual) até que se forme um molho suave e aveludado. Pique as azeitonas pretas, os pinoles e adicione as passas. Pegue o molho obtido (no liquificador) e junte também a este na frigideira com o fundo que tinha reservado. Aqueça tudo por cerca 2 minutos. Sirva os cofrinhos com este com este molho.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

MEDALHÕES DE PORCO COM ASPARGOS E PINOLI

Ingredientes:

200 g de cogumelos shitake
100 g de champignon
150 de pinoli (ou amêndoas)
100 g de manteiga
½ copo de azeite de oliva
20 aspargos verdes
2 dentes de alho
2 ramalhetes de alecrim
1 kg de carne de porco, cortada em medalhões
½ l de vinho tinto
1 cebola
1 cenoura
Tomatinhos (bem vermelhos e maduros)
Sal e pimenta do reino

Preparação:

Tempere a carne com sal e a pimenta. Doure em uma frigideira com um pouco de azeite e manteiga. Coloque em uma forma a carne com a cenoura e a cebola picada. Acrescente o vinho tinto e os ramalhetes de alecrim. Cubra com papel alumínio. Leve no forno por cerca 40 minutos. Salteie os cogumelos no azeite e com o alho. Coloque em agua fervente os aspargos por cerca 3 – 4 minutos e depois reserve. Pegue os tomatinhos e ferva em agua quente por alguns minutos e tire a pele. Tire do forno os medalhões e coe o molho. Sirva individualmente, decorando com os tomatinhos, os aspargos e com os pinoli.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

CEIA DE NATAL


Já pensou a Ceia para o Natal?

A Nouvelle Cuisine prepara para você e entrega, sem custo, diretamente na sua residência até dia 24 de dezembro.

Os melhores ingredientes e os melhores preços. Muitas opções com kits já prontos e todos combináveis entre eles.

Reservas: contato@nouvellecuisine.com.br

terça-feira, 30 de novembro de 2010

CONCHINHAS COM CERVEJA













Um prato de massa extremamente fácil no preparo mas com ingredientes diferentes... Eu usei uma massa com forma de conchinhas mas poderão usar penne, parafusos ou qualquer tipo de massa curta. Experimentem!

Ingredientes:

350 g de massa tipo “conchinhas”
350 g bacon
200 g de molho de tomate
200 g de creme de leite
100 ml de cerveja
Sal
Pimenta
Parmesão ralado

Preparação:

Doure o bacon no óleo, quando estiver pronto derrame a cerveja e deixe evaporar. Acrescente o molho de tomate e deixe cozinhar em fogo baixo. Quando tiver uma consistência maior, acrescente o creme de leite. Prepare a massa da forma tradicional. Quando a massa escolhida estiver pronta (lembrem “al dente”), tire a agua e despeje na mesma panela o molho que preparou. Antes de servir polvilhe com pimenta e queijo parmesão. Buon Appetito!

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

LINGUADO EM FIOS DE AÇÚCAR MASCAVO COM PURÊ DE ERVILHAS

Ingredientes:

200 g de linguado (em files)
200 g de ervilhas
20 g de cebola
½ copo de aceite de oliva
½ limão
1 copo de agua
Sal e pimenta do reino
250 g de açúcar mascavo

Preparação:

Tempere o linguado com o suco de limão, sal e pimenta do reino. Reserve. Refogue a cebola no azeite e junte as ervilhas com 1 copo de agua. Deixe cozinhar por 5 minutos. Bata no liquificador e reserve. Frite os files de linguado em óleo bem quente e reserve. Agora a parte mais complicada: a preparação dos fios de açúcar mascavo, para embrulhar os nossos files!
Pegue uma forma e coloque papel manteiga untado. Faça uma calda espessa com o açúcar mascavo (500 ml de agua e 250 g de açúcar). Quando começar a ferver apague. Pegue uma colher cheia de calda e, escorra no papel manteiga, pela ponta da colher começando a desenhar alguns fios. Quando começar a endurecer (não espere muito ou não vai conseguir mais) coloque os files de linguado encima e tente enrolar nos fios de açúcar. Se quebrar faça outros fios diretamente sobre o peixe. Embrulhe o peixe nestes fios de açúcar. Sirva com um pouco de purê de ervilhas.

domingo, 28 de novembro de 2010

ROCAMBOLE DE MELÃO MARINADO NO LIMÃO

Querendo fazer uma sobremesa simples e bonita? Eis a minha sugestão...

Ingredientes para 8 pessoas:

185 g de açúcar
100 g de framboesas
75 g de farinha
2 ovos
2 limões
1 melão
Açúcar
Manteiga
Sal

Preparação:

Corte o melão em fatias muitos finas e coloque para marinar por cerca uma hora em suco de limão e açúcar. Mantenha na geladeira. Bata os ovos com uma pitada de sal e 75 g de açúcar, em seguida, adicione a farinha. Coloque essa mistura em uma forma untada e cubra com papel manteiga, onde antes você já passou um pouco de manteiga e farinha. Leve ao forno por 6-7 minutos em 170 graus. Depois deste tempo, coloque esta massa sobre uma superfície, para resfriar e, polvilhe com açúcar. Agora, coloque as fatias de melão sobre esta massa e enrole como um salame, fazendo assim um rocambole. Enrole em uma toalha de cozinha, como se fosse uma grande bala, usando um pano de cozinha e deixe descansar 1 hora na geladeira. Esmague as framboesas com um garfo e adicionar 60 g de açúcar, obtendo assim uma calda. Corte o rocambole em fatias e sirva com um pouco de calda de framboesa e algumas fatias de melão.

SUFLÊ GELADO DE MELANCIA

Inicia o calor então nada de melhor que uma sobremesa gelada...

Ingredientes para 8 pessoas:
450 g de polpa de melancia sem sementes
400 g de sorvete de limão
60 g açúcar
200 g de chantilly
60 g de bolachas champagne
60 g de banana
20 g de abacaxi
20 g de manga
1 ameixa
1 clara de ovo
Uma pitada de sal
Folhas de hortelã

Preparação:

Coloque no liquificador a polpa da melancia e adicione ao pouco o sorvete de limão, que deve ser bem mole. Pique todas as frutas e as bolachas champagne. Aqueça em fogo brando o açúcar com 1 xícara de água até formar uma calda. Bata a clara em neve com uma pitada de sal e acrescente a calda de açúcar e continue até que a mistura esteja quase fria. Incorpore no chantilly a clara e, em seguida, misture tudo com o sorvete de limão e melancia. Adicione as frutas e os biscoitos. Coloque essa mistura dentro um molde de aproximadamente 8 cm. Envolva-o com um papel alumínio, fazendo uma borda extra de 2 - 3 centímetros. Preencha de novo a forminha com o sorvete, até a borda do papel alumínio. Deixe resfriar por cerca duas horas. Tire da geladeira e retire o papel alumínio. Decore com metade de uma ameixa e uma folha de hortelã.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

RAGÚ

O ragú è um clássico molho italiano, onde se mistura a carne moida com o molho de tomate, vinho, etc. e destinado a temperar a massa.

Ingredientes:

120 g de patinho bovino
120 g de lombo de porco
80 g de pancetta
1 cebola
1 cenoura
1talo de salsão
50 g de manteiga
200 ml de vinho tinto seco
Caldo de carne
250 g de tomates frescos, maduros e picados
1 colher (de sopa) de extrato de tomate
Sal e pimenta do reino

Preparação:

Moer as carnes e reserve. Pique bem a pancetta, a cebola e o salsão. Numa panela refogue esta mistura com uma manteiga já aquecida, por cerca 10 minutos, cuidando que não doure demais, Junte as carnes, mexendo até ficar levemente douradas. Deglaçe as carnes com metade do vinho tinto, misture bem e deixe o vinho reduzir á metade. Adicione 2 conchas de caldo de carne já aquecido e cozinhe até que todo o liquido tenha evaporado. Acrescente outra concha de caldo, o restante do vinho e o extrato de tomate. Mexa bem e cozinhe até que os líquidos tenham reduzidos por completo. Ajuste com sal e pimenta, acrescente os tomates frescos, junte mais uma concha de caldo, reduza o fogo e deixe cozinhar por cerca 40 minutos, até que o ragu fique denso.

Agora cozinhe a massa de sua preferencia e quando estiver pronta despeje por cima e polvilhe com abundante parmesão ralado e, buon appetito!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

LULAS RECHEADAS COM ARROZ E VONGOLES

Ingredientes:

600 g de lulas pequenas
100 g de arroz
150 g de vongoles
1/2 l de caldo de peixe
2 cebolas
1 dente de alho
1 pimentão vermelho
1 abobrinha
1 copo de vinho branco seco
1 ramalhete de tomilho
Manjericão
1 colher de manteiga
Azeite extra virgem
Sal
Pimenta branca

Preparação:

Lave as lulas em água fria corrente, tendo o cuidado para não remover os tentáculos. Pegue as vongoles e coloque em uma panela a fogo alto, tampe por cerca 5 minutos. Retire aqueles que permanecem fechadas e reserve outras. Aqueça 2 colheres de sopa de azeite e doure o arroz. Adicione o caldo de peixe e cozinhe em fogo baixo por 15 minutos. Descasque as cebolas e corte-as finamente, depois refogue no óleo, junte o alho picado. Adicione a abobrinha em pequenos cubinhos. Misture com o vinho branco. Em seguida, perfume com tomilho, manjericão, sal e pimenta. Continue a cozinhar por alguns minutos até que o composto fique mais consistente, em seguida despeje em uma tigela com o arroz e as vongoles, mexa e deixe esfriar.
Coloque sal e pimenta no interior das lulas e depois coloque dentro o recheio e feche-as. Aqueça o azeite e a manteiga em uma panela, frite as lulas, em seguida, coloque em uma assadeira e leve ao forno a 180 ° C por aproximadamente 10 minutos. Regue com o molho. Sirva quente as lulas, acompanhando-as a gosto com um molho pesto. Decore o prato com algumas vongoles ainda na concha.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

BACALHAU COM PIMENTÕES

Geralmente o bacalhau é considerado um peixe com pouco sabor, se não fosse para o sal inicial que tem. Além disso somos acostumados a ver as nossas receitas com um bacalhau muitas vezes pálido. Com esta combinação teremos esta vez um prato muito saboroso e colorido...

Ingredientes:

500 g de bacalhau
1 pimentão
2 tomates maduros
3 dentes de alho
½ colher (de café) de pimenta vermelha
2 folhas de louro
½ colher (de café) de canela
1 copo de vinho branco seco
2 ramalhetes de salsinha
50 g de açúcar
50 g de farinha branca
7 colheres (de sopa) de azeite extra virgem de oliva
Sal e pimenta do reino

Preparação:

Corte o bacalhau em oito pedaços de igual tamanho e os coloque de molho em água morna por 24 horas, trocando a água no mínimo três vezes. Após esse tempo, escorra bem o peixe, seque com um pano limpo, passe na farinha e frite em seis colheres de sopa de óleo até que esteja dourado. Tire do fogo os files e os coloque sobre papel toalha para perder o excesso de gordura. Os transfira em uma assadeira, deitando-os em uma única camada. Lave os tomates, coloque em água quente com sal por alguns segundos, em seguida, descasque e corte em cubinhos, descartando as sementes. Descasque os dentes de alho, pique finamente e adicione na metade do óleo que sobrou do bacalhau. Doure. Leve a fogo médio e acrescente a pimenta, as folhas de louro e o tomate. Cozinhe até que o molho seja reduzido pela metade. Coloque o sal e em seguida adicione o açúcar, a canela e a pimenta do reino. Regue com o vinho e deixe evaporar. Lave e pique a salsa. Corte o pimentão em tiras de cerca 1 cm. de largura e disponha sobre o bacalhau. Regue tudo com o molho e polvilhe com o restante do alho e da salsa. Regue com o restante do azeite e asse em forno preaquecido a 180 ° C por aproximadamente 15 minutos. Aumente a temperatura do forno e cozinhe por mais alguns minutos, a fim de formar uma crosta ligeira na superfície. Sirva o bacalhau em pratos individuais, decore com o restante da salsinha.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

ASPIC DE MAÇA VERDE

Como expliquei em uma minha outra receita, Aspic não é outra coisa que uma gelatina mas .... com um nome mais chique! Esta gelatina é muito fácil na preparação, mas como todas as gelatina vai demorar um pouco pra ser pronta, visto que precisaremos do frio da nossa geladeira, mas no final o efeito será muito bonito.

Ingredientes para 6 pessoas:

700 g de maças verdes
1 maça vermelha
100 g de açúcar
100 g de biscoitos secos
30 g de manteiga
20 g de gelatina
2 limões

Preparação:

Coloquem em uma centrifuga o suco de um limão, 500 gramas das macas verdes e obtenha o suco. Pegue cerca 200 g deste suco e derreta no fogo com o açúcar. Quando ferver apague o fogo e acrescente a gelatina (em pó ou em folhas). Misture tudo. Corte a cubinhos outras macas verdes e a vermelha. Coloque um pouco de suco de limão para evitar que fiquem escuros. Coloquem um dedo da gelatina morna no fundo das forminhas. Use forminhas para pudim e, deixe que endureça na geladeira por 10 segundos. Acrescente agora os cubinhos de maca e cubra de gelatina, até um dedo da borda da mesma forminha. Coloque de novo na geladeira por 2 horas. Pegue os biscoitos e a manteiga e bata no liquificador. Reserve na geladeira. Depois do tempo necessário, coloque este composto no espaço deixado em cada forminha e deixe na geladeira por mais uma hora. Quando virar esta parte ficará como base do nosso Aspic. Um conselho para ajudar na hora de tirar o Aspic das forminhas, as coloque em agua quente, assim a gelatina se grudada nas paredes da forma se dissolverá e sairá de forma mais fácil.

domingo, 14 de novembro de 2010

TAGLIATELLE COM PÉTALAS DE ROSA

Tagliatelle com pétalas de rosa, é o prato ideal para um jantar de romântico com seu parceiro: fácil de fazer, e com um gosto muito agradável e suave.
Para a realização do prato, você tem que comprar rosas comestíveis frescas, se possível recém-colhidas e completamente tratadas, que servirão tanto como um ingrediente que para a decoração do prato. Quando você cozinha com flores, a primeira coisa que você precisa ter certeza de que não tenham sido tratadas com pesticidas ou outros agentes químicos. Seria melhor ter flores de uma pessoa de confiança (ou até mesmo do seu jardim), ou comprados em supermercados que vendem flores para a culinária. Não use as flores comuns! A pétala de rosa, em sua base, tem uma espécie de parte branca, que é ligeiramente amarga: se você quiser, pode removê-la para evitar uma eventual sensação não muito agradável.

Ingredientes:

20 g de manteiga
Noz moscada ralada
Azeite de oliva (2 colheres)
150 g de creme de leite
200 g de massa tipo “tagliatelle”
150 g de presunto
Sal e pimenta do reino
2 rosas de cor “rosa”
1 cebola

Preparação:

Coloque para ferver uma panela com dois litros de água. Descasque e pique finamente uma cebola e o presunto. Deixe dourar a cebola em uma panela com óleo e manteiga. Depois adicione o presunto e deixe cozinhar por alguns minutos. E em seguida, despeje o creme de leite e a noz-moscada. Misture bem e tempere com sal, retire do fogo e misture até obter uma mistura cremosa. Reserve. Pegue um par de rosas recém colhidas, possivelmente com pétalas rosas e, tendo cuidado tire cada pétala e limpe com um pano úmido leve e macio; corte as pétalas em tiras finas, mantendo de lado algumas pétalas (as mais bonitas e grandes) para a decoração final do prato. Adicione as pétalas picadas na mistura que antes tinha reservado e misture a fogo brando por 2 – minutos. Em seguida, desligue o fogo.
Enquanto isso, cozinhe o macarrão. Quanto estiver pronto escorra toda a agua e despeje na panela onde tem o molho de rosas. Misture bem e, em seguida, coloque individualmente em cada prato decorando com as pétalas de rosa que tinha reservado. Sirva imediatamente ... e Buon Appetito e sucesso!

sábado, 13 de novembro de 2010

FILÉ WELLINGTON


E’ um clássico prato da culinária internacional. Tem bastantes ingredientes e precisa um pouco de tempo para a preparação, mas acompanhando passo a passo a receita todos vao conseguir fazer e o resultado ... da realmente agua na boca!

Ingredientes:

250 g de cogumelos Paris
3 colheres (de sopa) de cebola picada
2 colheres (de sopa) de alho picado
100 ml de creme de leite
Azeite
600 g de filé mignon (cortado em formato cilíndrico)
14 fatias de presunto de Parma
400 g de massa folhada
4 gemas
1/2 xícara de vinagre balsâmico
1 copo de vinho do Porto
1 xícara de Shoyo
250 g de manteiga gelada
Tomilho
Louro
Alecrim
Sal e pimenta-do-reino

Preparação:

Corte os cogumelos em pedaços. Coloque a água e os cogumelos picados no liquidificador e bata até formar um creme. Em uma panela, coloque um fio de azeite e refogue a cebola (2 colheres) e o alho (1 colher). Misture o purê de cogumelos, tampe a panela e mexa de vez em quando. Deixe reduzir em fogo baixo até que fique bem seco. Junte o creme de leite, aqueça até ferver, desligue o fogo e tempere com sal e pimenta. Deixe descansar na geladeira até ficar firme.
Tempere o filé dos dois lados com sal e pimenta a gosto. Coloque azeite em uma panela bem quente e doure o filé dos dois lados, evitando espetá-lo com um garfo ou faca. Depois de pronto, enrole o filé em um pano e seque bem. Pegue o filé ainda enrolado no pano e deixe descansar na geladeira por uns 15 minutos.
Em uma superfície lisa, abra uma folha de papel filme. Disponha as fatias de presunto lado a lado sobre a folha de papel filme, sem deixar espaço entre elas. Cubra o presunto com o purê de cogumelos, espalhando bem. Coloque o filé sobre o purê e, com a ajuda da folha de papel filme, enrole o filé, apertando bem o papel filme nas pontas. Guarde na geladeira por aproximadamente 30 minutos. Tire a carne do papel filme. Espalhe farinha de trigo sobre uma superfície lisa e, com a ajuda de um rolo, abra a massa folhada. Pincele a massa com gema de ovo, retire o filé da geladeira, desenrole o papel filme e enrole o filé com a massa folhada, fechando as laterais. Leve à geladeira por mais 30 minutos. Retire o bife da geladeira, pincele a parte de cima com gema de ovo e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC por aproximadamente 40 minutos. Sirva fatiado com uma colher do molho e um ramalhete de alecrim.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

ROCAMBOLE DE PIMENTÕES COM CORAÇÃO DE QUEIJO

Os rocamboles de pimentões são entradas coloridas e deliciosas, simples e leves, além de ser muito gostosos, eles dão um belo efeito visual e, portanto, adequados para iluminar a sua mesa na presença de convidados ou em ocasiões especiais!

Ingredientes:

300 g de queijo cremoso (mas firme)
Cebolinha
Azeite de oliva
Pimenta do reino e sal
1 Pimentão amarelo e 1 vermelho

Preparação:

Lave e seque os pimentões, coloque-os em uma forma e asse por 20-25 minutos em forno pré-aquecido a 250 graus, quando serão prontos, retire-os do forno e coloque-os dentro de um saco plástico bem fechado, onde deixe suar durante 15 minutos, após você poderá facilmente descascá-los e remover a parte branca interna com cuidado para não quebrá-los. Corte os pimentões em 8 fatias e coloque pimenta e sal. Acrescente um pouco de cebolinha picada. Disponha sobre cada fatia de pimentão uma porção do queijo e enrole o pimentão um rocambole. O queijo deve ser cremoso para poder misturar com a cebolinha, mas não muito liquido (tipo requeijão) ou irá derreter. Se for muito duro não conseguirão misturar ... Amarre cada um com um fio de cebolinha e fatie cada rocambole de forma igual (ao meio).

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

PASTA E FAGIOLI

A receita da pasta e fagioli (macarrão com feijão) é um dos mais tradicionais pratos da culinária italiana e, sendo muito popular em muitas regiões da Itália, existem diversas variações. Devido a esta popularidade não posso dizer com certeza qual seja o lugar onde nasceu este prato, também porque diferentes regiões afirmam ter a receita original: Veneto e Toscana são as duas regiões mais que os outras têm em consideração este prato como típico das próprias receitas culinárias locais. No entanto, a receita para a pasta e fagioli nasceu, se diz, nas tabernas de Roma antiga como um prato saborosos e nutritivos, apropriado para alimentar os muitos e variados clientes da pousada. Ao longo do tempo este macarrão e feijão tornou-se a comida de agricultores e trabalhadores que não tinham nada além do que os produtos de seu quintal. No Veneto se preparava este prato no início do outono, ao mesmo tempo porque nesta época se matava o porco e, em seguida, os agricultores usavam para dar mais sabor o torresmo e ossos do mesmo porco.

Ingredientes:

2 dentes de alho
½ l de caldo de legumes
1 cenoura
1 cebola
400 g de feijões
70 g de bacon (com bastante parte gordurosa e branca)
½ copo de azeite de oliva
100 g de pancetta
350 g de massa curta
Pimenta preta moída
100 g de molho de tomate

Preparação:

Preparar esta é muito simples: primeiro prepare 1/2 litro de caldo de legumes. Enquanto isso, pique o bacon e coloque para derreter em uma panela bem grande, em seguida, adicione meio copo de azeite. Adicione a cebola picadinha, alho e cenoura. Deixe dourar e, em seguida, adicione o molho de tomate. Depois alguns minutos adicione uma ou duas conchas de caldo e deixe secar completamente. Enquanto está cozinhando este molho, coloque a pancetta em outra panela em cubos ou tiras, deixe dourar na sua própria gordura e até que seja dissolvida. Em seguida, adicione o feijão e cozinhe por alguns minutos. Acrescente um par de conchas de caldo e deixe que seja absorvido. Neste ponto junte o feijão ao molho com o tomate e deixe continuar o cozimento. Ferva o macarrão em água salgada e quando estiver meio cozido, adicione-o à sopa de feijão que você preparou. Para terminar a preparação deste prato acrescente de vez em quando algumas conchas de caldo e coloque a pimenta a gosto. Antes de servir despeje o meio copo de azeite que sobrou e sirva bem quente.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

MEDALHÕES COM MUSSE DE ESPINAFRE

Esta é a receita que vou apresentar no meu próximo curso no Espaço Viver Casa e Gourmet na Vila Mariana, dia 11 de novembro, quinta feira as 19:00 hs. Aqui uma antecipação pra vocês!



Ingredientes para 4 pessoas:

4 medalhões de filé mignon
2 copos de vinho do Porto
30 g de cebola (picada)
1 colher (de chá) de salsinha picada
1 colher ( de chá) de tomilho
Azeite de oliva extra virgem
60 g de manteiga
Sal e pimenta do reino
200 g de espinafres (também congelados)
200 g de creme de leite
150 g de requeijão
8 folhas de espinafres (frescos)

Preparação:

Tempere a carne com o sal, a pimenta, a salsinha, o tomilho, o vinho do Porto, a cebola e coloque em uma vasilha para marinar, por cerca 2 horas. Depois, escorra a carne e sele em uma frigideira com o azeite. Reserve. Na mesma frigideira adicione o vinho da marinada e reduza a ½ do volume. Adicione a manteiga e bata com uma colher até emulsionar. Prepare a musse: misture o espinafre com o creme de leite e o requeijão, bata no liquificador, até obter uma textura cremosa. Acerte o sal e a pimenta. Pegue as folhas cruas de espinafre, lave e seque bem. Coloque em uma frigideira com azeite e deixe que fique bem quente. Coloque as folhas de espinafres e depois escorra-as sobre papel toalha, tirando o excesso de gordura. Esquente a musse em banho-maria e distribua no centro de cada prato. Coloque cada medalhão sobre a musse, regue com o molho emulsionado e decore com as folhas de espinafres crocantes.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

RISOTTO COM PERAS E PROVOLONE

Ingredientes para 6 pessoas:

400 g de arroz para risoto
300 g de provolone doce
1 pera
1 cebola branca
1 copo de vinho branco seco
1 l de caldo de legumes
Salsinha picada
Azeite extra virgem de oliva
2 colher (de sopa) de manteiga
Sal

Preparação:

Prepare o risotto da forma tradicional: dourando antes acebola picada, colocando o arroz e deixando tostar. Acrescente depois o vinho e deixe evaporar. Inicie a despejar o caldo bem quente, uma concha por vez, mexendo sempre e procurando que o arroz não seque. Em quanto isso coloque em uma frigideira uma colher de sopa de manteiga e coloque a pera cortada a cubinhos. Deixe cozinhar por cerca 1 minuto. Quando o risoto terá alcançado os 15 minutos de cozimento, lembro que será pronto em 20 minutos, despeje na panela o provolone cortado em cubinhos ou em tirinhas. Continue a mexer. Agora se o arroz estiver quase pronto, ajuste com o sal e coloque as peras. Misture tudo e tire do fogo. Coloque mais uma colher de manteiga e deixe descansar alguns minutos. Despeje a salsinha picada e sirva ainda bem quente. Buon apetito!

terça-feira, 2 de novembro de 2010

GELEIA DE TOMATE

Poderá aparecer estranho mas não é ... uma geleia de tomate é uma boa alternativa as clássicas geleias e, também muito saborosa e versátil. Poderemos usar esta geleia além da forma clássica, também com carnes vermelhas ou brancas, para ter aquele contraste entre doce e salgado...

Ingredientes:

1 kg de tomates bem maduros
500 g de açúcar

Preparação:

Lave bem os tomates e fatie em tirinhas. Coloque em uma panela e acrescente o açúcar. Deixe descansar por 30 minutos, pra que o açúcar comece a soltar a sua agua e formar um caldo. Leve ao fogo por 1 hora, mexendo sempre, evitando assim que grude no fundo da panela. Pegue um mixer e bata os tomates, cuidando de deixar algum pedaço mais grosso. Continue a ferver por mais 20 minutos. Continue assim até que os tomates tenham a consistência da geleia. Pegue um prato com um pouco de agua fria e, coloque no meio uma colherzinha da geleia: se ficará bem firme, sem desmanchar na agua, significará que está pronta! Coloque em potes de vidro, anteriormente fervidos em agua quente e agora bem secos. Complete cada pode até 2 cm. da borda e feche a tampa. Vire os potes e coloque com a cabeça para baixo, acima de um pano úmido. Esta operação servirá além de resfriar a geleia. para produzir o vácuo necessário para a conservação. Uma vez fria a nossa geleia poderá ser guardada por cerca 6 meses...

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

SOPA DE BATATA E ALHO-PORÓ

Começamos novembro com um tempo frio e úmido. Também por isso sugiro uma sopa fácil e rápida na preparação, apropriada para estes dias. Poderá ser acompanhada com torradinhas ou algumas fatias de pão colocadas no forno com um pouco de manteiga por cima.

Ingredientes:

2 alho-poró grandes
2 batatas médias
1 cebola
½ l de caldo de galinha
Creme de leite (2 xicaras)
Manteiga (1 colher de sopa)
Salsinha picada
Sal e pimenta branca

Preparação:

Limpe o alho-poró, eliminando a parte verde e corte em rodelas. Coloque em uma panela com a cebola picada e um pouco de manteiga e deixe dourar delicadamente. Adicione as batatas, já cortadas em fatias e, refogue por alguns minutos. Despeje na panela o caldo de galinha (quente) e cozinhe por 30 minutos. Coloque este composto em um mixer ou em um liquificador e bata. Recoloque no foco levando a ferver. Adicione o creme de leite. Tempere com sal e pimenta. Antes de servir adicione a salsinha picada.

domingo, 31 de outubro de 2010

LIMÕES RECHEADOS COM CREME DE ATUM

Estes limões recheados são um ótimo prato que poderá ser prato como petisco e terá uma apresentação muito original: o creme de atum, é colocado dentro cada limão antes esvaziado...
Ingredientes:

15 g de alcaparras
Cebolinha vede picada (1 colher de sopa)
4 limões amarelos
Suco de limão (2 colheres de sopa)
50 g de azeitonas pretas
160 g de atum ralado
3 ovos cozidos
100 g de maionese
Sal e pimenta do reino

Preparação:

Cozinhe os ovos. Quando estiver prontos tire a casca, fatie e triture. Entretanto, pegue um limão, corte delicadamente a base (quanto serve para que fique em pé) e depois corte o lado oposto, como para formar um chapéu. Com uma faca bem afiada tire toda a parte interna do limão e em seguida com uma colher esvazie a polpa com cuidado para não perfurar a parte inferior. Continue com esta operação em todos os 4 limões. Em outra tigela coloque a maionese, atum ralado, alcaparras e ovos picados, as azeitonas picadas, cebolinha, pimenta e sal, o suco de limão e misture todos os ingredientes para que se obtenha um composto bem homogêneo. Com o creme obtido encha os 4 limões. Organize os limões em um prato de servir e polvilhe cada limão com um pouco da casca ralada e com a salsinha picada.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

RISOTO COM PRESUNTO CRU E REQUEIJÃO

Ingredientes:

150 g de presunto cru
1 cebola pequena picada
400 g de arroz para risoto
1 lt de caldo de legumes
1 copo de vinho branco seco
100 g de parmesão ralado
1 colher (de sopa) de azeite de oliva
1 colher (de sopa de manteiga)
1 colher (de sopa) de salsinha picada
250 g de requeijão
Sal e Pimenta do reino

Preparação:

Reserve algumas fatias de presunto cru e pique as restantes. Comece a fazer o risoto da forma tradicional: coloque o azeite em uma panela, acrescente a cebola e em seguida o arroz. Faca dourar, sem queimar e, em seguida despeje o copo de vinho. Uma vez que esteja evaporado inicie, com uma concha, a colocar o caldo de legumes, bem quente e um pouco de cada vez. Continue a mexer o arroz e acrescentar o caldo a cada vez que o arroz iniciar a secar. Quando alcançar os 15 minutos de cozimento, despeje o requeijão e o presunto picado e continue a misturar. Experimente a textura e o ponto do risoto e coloque, se precisar, o sal e um pouco de pimenta do reino. Terminado o cozimento (20 minutos) apague o fogo e coloque o parmesão. Misture. Acrescente agora a manteiga e deixe o risoto descansar 1 minuto. Depois misture de novo e coloque nos pratos. Como decoração final coloque, em cada prato, uma fatia de presunto, cortada em tirinhas e dourada antes no forno alguns minutos com um pouco de salsinha picada.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

CANELONES RICOTA E ESPINAFRES

Ingredientes:

Noz moscada
100 g de parmesão ralado
Pimenta do reino
400 g de ricota
Sal
500 g de espinafres
2 ovos
500 g de molho branco

Preparação:

Para preparar os canelones de ricota e espinafres poderão comprar a massa seca e já pronta para levar ao forno, ou utilizar massas frescas, preparando manualmente o composto. A primeira escolha è com certeza mais pratica e rápida. Para o recheio, limpe os espinafres frescos e ferva-os em bastante água salgada, em seguida, esprema bem para remover a maior parte possível da água do cozimento.
Em alternativa poderemos usar espinafres congelados, fazendo o mesmo processo que com os frescos. Depois que estar frios, pique com uma faca e os coloque em uma tigela com a ricota já amassada, noz moscada, ovos, pimenta e queijo ralado. Mexa bem e misture tudo, tempere com sal.
Prepare o molho branco ou compre já pronto. Se quiser preparar, coisa que aconselho precisará de 2 xícaras (de chá) de leite, 2 colheres (de sopa) de manteiga, 2 colheres (de sopa) de farinha de trigo, sal, noz moscada e pimenta do reino branca a gosto. Ferva o leite, derreta a manteiga, junte a farinha e mexa bem até obter uma pasta homogênea. Aos poucos, acrescente o leite e bata, constantemente, para não empelotar. Deixe cozinhar por alguns minutos e tempere com sal, noz moscada e pimenta.
Unte com manteiga uma assadeira grande o suficiente para armazenar todos os canelones formando uma única camada, em seguida, espalhe sobre a própria 2-3 colheres de molho branco.
Coloque o receio dentro cada canelone, cuidando que não fure ou quebre a massa.
Em seguida, cubra os canelones com o molho branco, polvilhe queijo parmesão ralado e leve ao forno a 200 graus por 20-25 minutos, usando a grelha para os últimos 5 minutos, para a superfície do canelone ficar gratinada. A seguir sirva e ... Buon Appetito!



quinta-feira, 21 de outubro de 2010

SALMÃO GRELHADO COM MOLHO DE SALSINHA

O salmão grelhado com molho de salsa é um curso principal do mar frescos e originais. Este prato de salmão é um peso leve, baixo teor de gordura e vai perfeitamente com um prato de legumes cozidos no mesmo fácil e leve, como abobrinha na manteiga.

Ingredientes:

2 colheres (de chá) de Vinagre
2 ramalhetes de salsinha
1 cebola
Suco de um limão
4 colheres (de sopa) de azeite extra virgem de oliva
1 Pimenta vermelha
Sal e pimenta do reino
4 files de salmão

Preparação:

A primeira coisa a se preparar para o nosso prato é o molho de salsinha, que você também poderá preparar com algumas horas de antecedência. Pique a cebola, a salsinha e a pimenta em uma tigela. Em outra tigela menor prepare uma emulsão com as 4 colheres de sopa de azeite, vinagre e o suco de limão e bata com um garfo. Agora despeje esta emulsão na tigela com as verduras picadas, mexa bem e tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Divida o salmão em pedaços (aproximadamente 200 g cada um), entretanto, comece a fazer esquentar uma grelha onde colocar os filés de salmão. Grelhe cada file virando-os delicadamente. Lembre que o salmão cozinha muito rapidamente. O meu conselho é de grelhar no máximo 3 minutos por lado. Depois de estar pronto o salmão poderá ser servido diretamente em pratos individuais ou em um prato único pulverizando cada file com o molho de salsinha que você preparou anteriormente. Leve para a sua mesa também uma tigelinha com o molho restante, assim os seus convidados poderão, a próprio gosto, despejar mais um pouco deste molho sobre cada porção.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Tortilla de batatas (TORTILLA DE PATATAS)

Passei alguns anos da minha vida na Espanha e aprendi a amar este prato. A Tortilla com a Paella é considerada um dos pratos nacionais da Espanha e, não há nenhum convite para um almoço ou um jantar que não tenha no cardápio uma tortilla. Se usa como: entrada, prato principal ou como um segundo prato. Se você quiser comer uma deliciosa Tortilla ou uma rica Paella, aqui em São Paulo, eu sugiro que visitem meu amigo Chef espanhol (autentico) Nando Lancho e o seu Gusta Bar y Gastronomia (Rua Desembargador do Vale, 1090 - Pompéia) ... você não vai se arrepender!

Ingredientes para 4 pessoas:

600 g de batatas
1 cebola
50 ml de azeite virgem de oliva
7 ovos
Sal

Preparação:

Descasquem as batatas e fatiem bem fininhas. Façam a mesma coisa com a cebola.
Coloque azeite em uma frigideira e despejem as batatas e as cebolas.
Cozinhe até que estejam cozidas, mas sem dourar. Desenforme e deixe esfriar.
Bata os ovos com um pouco de sal e acrescente as batatas e as cebolas.
Pegue de novo a frigideira e unte com azeite. Despeje a mistura de ovo, batatas e cebola. Vire para dourar a Tortilla nos dois lados. Tire do fogo... Poderá ser servida quente, morna ou fria.

Outra variante da Tortilla de Batatas é com Jamon Serrano (presunto cru), camarões, aspargos, etc.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

FRANGO COM MEL E VINAGRE BALSÂMICO

Ingredientes:

500 g de peito de frango
2 colheres (de sopa) de mel
2 colheres (de sopa) de vinagre balsâmico
1 colher (de sopa) de molho de soja
2 cebolas
2 cenouras
2 cabeças de radicchio
1 pé de alface
100 g de broto de feijão
20 g de castanhas de caju
Azeite extra-virgem
Sal e pimenta
Hortelã (para a decoração final)

Preparação:

Limpe o frango de qualquer excesso de gordura, ossos e cartilagens, o divida em quatro pedaços, coloque-o em uma tigela e tempere com o mel, vinagre balsâmico, molho de soja, uma cebola picada, 2 colheres de azeite, sal e pimenta. Deixe marinar por cerca meia hora.
Enquanto isso, limpe as cenouras, as corte longitudinalmente e depois em julienne (tirinhas). Descasque, lave e seque o radicchio e corte em tiras. Descasque a alface. Descarte as folhas externas, lave, seque e corte em tiras. Descasque e pique a cebola restante em fatias finas, lave e seque os brotos de feijão.
Aqueça 3 colheres do óleo em uma frigideira grande e cozinhe os peitos de frango, dourando por cerca de 5 minutos de cada lado. Desligue o fogo e corte os peitos em tiras. Coloque o frango em potes individuais (se preferir em pratos), acrescente um pouco da salada e tempere com sal e um fiozinho de óleo. Coloque no centro de cada porção um pouco de castanhas de caju e enfeite com um pouco de hortelã.

sábado, 16 de outubro de 2010

CREME DE AÇAFRÃO

Para terminar esta serie de receitas que utilizam como ingrediente “príncipe” o açafrão, hoje vamos preparar uma sobremesa, melhor um creme muito saboroso...

Ingredientes:

150 g de açúcar
4 gemas
60 g de farinha
5 copos de leite
25 g de manteiga
1 colher (de chá) de açafrão
Um pouco de essência de amêndoa

Preparação:

Em uma tigela começar a trabalhar as gemas com o açúcar até obter uma mistura macia e clara. Quando será perfeitamente homogênea, incorpore a farinha de trigo e despeje o leite morno. Transfira a mistura para uma panela e leve ao fogo baixo, mexendo sempre com um batedor até que o creme engrosse e vai dobrar de volume. Despeje imediatamente em uma tigela fria para parar o cozimento e adicione a manteiga e o açafrão. Misture esses ingredientes bem, perfumando com algumas gotas de essência de amêndoa. Misture mais um pouco o creme e deixe esfriar na geladeira por pelo menos 2 horas. Para servir, divida a mistura em quatro copos de vidro. Acompanhe com biscoitos, se possível de amêndoas. Um sucesso de sabor garantido!

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

PERA AO AÇAFRÃO

Uma sobremesa diferente, fácil e naturalmente com açafrão...

Ingredientes:

2 peras descascadas com o cabo
2 colheres (de sopa) de açúcar
1 colher (de sopa) de mel
2 colheres (de chá) de açafrão
1/2 litro de água

Preparação:

Numa panela alta coloque a água, o açafrão, o açúcar, o mel e deixe ferver. Junte as peras sem casca e deixar cozinhar. Caso a calda que se formou não seja suficiente para cobrir as peras, você deverá, com cuidado, virar cada pera para que a coloração amarelada fique uniforme. Deixe ferver por aproximadamente 40 minutos ou até ficarem macias. Retire as peras e deixe a panela no fogo para reduzir a calda. Sirva com uma base de sorvete.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

RISOTO Á MILANESA

Depois da matéria sobre o açafrão não poderia faltar uma "postagem" com este tempero. Risotto alla Milanese, é considerado mundialmente famoso com “la cotoletta alla milanese” (bife á milanesa) como um dos mais típicos pratos da cozinha de Milano.

Ingredientes para 4 pessoas:

1 cebola ralada
1 l de caldo de carne
 colher (de sopa) de açafrão
1 colher (de sopa) de azeite de oliva
1 xícara (de chá) de vinho branco seco
2 colheres (de sopa) de manteiga
350 g de arroz para risoto
100 g de parmesão ralado
Sal e pimenta-do-reino

Preparação:

Em uma panela, refogue a cebola com 1 colher de manteiga e um pouco de azeite de oliva. Coloque o arroz e faça tostar. Acrescente o vinho e cozinhe até evaporar. Adicione ao pouco o caldo fervente mexendo, em fogo baixo, até o arroz cozinhar (cerca 18 minutos). Pegue o açafrão e dissolva em uma xicara com um pouco de caldo. Coloque na panela com o arroz e continue a mexer. Acrescente o sal e a pimenta do reino. Retire do fogo, coloque o restante da manteiga e o parmesão. Faça “mantecare” (pegar a manteiga) e descansar o risoto por alguns minutos e sirva em seguida.

AÇAFRÃO... a maravilha amarela

Hoje quero falar um pouco de açafrão. Quando se trata de açafrão, poucos sabem realmente o que é, e quais são os métodos de cultivo desta especiaria antiga.
Açafrão, que usamos para dar aquele sabor inconfundível a tantos pratos deliciosos nada mais é que o pistilo da flor do Crocus Sativus, que pertence à família das Iridacee e, tem flores de cor violeta, folhas em forma de lança e floresce no outono europeu.
É colhida a partir de meados de outubro até o final do mês (na Itália), na parte da manhã, o açafrão é pacientemente escolhidos a dedo por mulheres com mãos habilidosas e gentis, treinadas para não danificar os estigmas preciosas com um processo totalmente manual, que explica o alto custo do mesmo. São, na verdade, cerca de 120.000/150.000 flores para obter um quilograma de produto acabado, porque cada um tem apenas três a cinco estigmas. O açafrão é obtido a partir dos três estigmas da flor vermelha e roxa, moderadamente separados manualmente e colocadas a secar no mesmo dia da coleta.
Na Itália, há uma pequena produção de açafrão localizada em Abruzzo, na Sardenha, Toscana e Úmbria. O açafrão produzido em Abruzzo é considerado o melhor do mundo pela sua qualidade. A análise mostra que a alta porcentagem de carotenoides no açafrão e que contêm crocina são formidáveis antioxidantes naturais, vitaminas B1 e B2, que contribuem para o metabolismo das gorduras e também o tornam um excelente digestivo.
O Crocus Sativus é uma planta nativa do Oriente Médio, introduzido na Itália por um padre dominicano em 1300. Este tempero nos tempos antigos era conhecido não apenas para uso na culinária, mas por sua excepcional propriedade medicinal e de fato foi visto como um antiespasmódico e no Renascimento, era considerado quase uma panaceia.

                                                                    Graças aos muitos ingredientes ativos, esta especiaria aumenta a secreção de suco gástrico e da bile, estimulando as funções digestivas.
Na mitologia grega, o deus Hermes utilizava o açafrão como um afrodisíaco para despertar o desejo e energia sexual. Essa especiaria, de fato, foi demonstrado que age sobre as glândulas suprarrenais, estimulando a produção de hormônios como adrenalina e cortisol, que tonifica a esfera sexual. Ao dar bondade e sabor aos alimentos, o açafrão tem a grande vantagem de não adicionar gordura e calorias no nosso corpo, de fato, a ingestão calórica desta especiaria é praticamente zero: 1 sache de 15 gramas é igual a 0,4 kcal e também por este motivo o açafrão é cada vez mais utilizado em dietas. A medicina chinesa e a moderna fisioterapia usa muito o açafrão para as suas propriedades de desintoxicação e efeitos anti-inflamatórios. Os benefícios do açafrão também são explorados pela medicina indiana que acrescenta este tempero em vários pratos, a fim de facilitar a digestão e prevenir infecções intestinais.
O açafrão dá o seu melhor resultado em pratos com arroz, mariscos e frutos do mar, carnes brancas como frango, coelho e também com carnes vermelhas. É igualmente apropriado para condimentos de vegetais com um sabor mais sutil, como abobrinha e chicória. Por último, em particular na culinária contemporânea, é usado em doces, biscoitos, pudins e sorvetes. Acho que não preciso acrescentar mais nada sobre os benefícios e a bondade desta especiaria! Vocês já entenderam que o açafrão é um dos meus temperos favoritos ...




quarta-feira, 13 de outubro de 2010

SOPA DE ESPINAFRES

Mais uma sopa nesta primavera ainda invernal! Os espinafres são ricos em vitamina A e C, e em menores quantidades de vitaminas E, K, B1, B2, B6, etc. Eles são muito ricos em sais minerais incluindo o cobre, fósforo, zinco, cálcio, potássio, e são um poderoso tonificante, remineralizantes e tônico para o coração. O alto teor de ácido fólico faz dessa hortaliça um alimento útil para dar vitalidade ao sistema imunológico e melhorar a produção de glóbulos vermelhos. Eles são famosos por seu conteúdo de ferro, não sempre bem absorvido pelo organismo e para as aventuras de Popeye (Braccio di Ferro em italiano) que justamente consumia em grandes quantidades. O verde dos espinafres é sempre agradável e, o ideal para esta sopa é a sua textura ao mesmo tempo cremosa e consistente. Fácil e rápida!

Ingredientes:

200 g de espinafres frescos (ou congelados)
30 g de rúcula
1 abobrinha
1 cebola vermelha
2 colheres (de sopa) de suco de limão
1 ramalhete de salsinha (picada)
2 colheres (de sopa) de azeite extra virgem
1 colher (de sopa) de flocos de granola

Preparação:

Em um recipiente com 150-200ml de água, junte todos os ingredientes, exceto a granola e misture com o mixer. Continue até obter um creme liso. Coloque em uma panela e faça ferver até engrossar. Quando estiver pronta, adicione os flocos de granola e sirva bem quente. Para a decoração final poderá colocar alguma rodelas de cebola e salpicar com algumas amêndoas tostadas anteriormente no forno por alguns minutos. Uma boa sopa poderá, também, ser sempre acompanhada com fatias de pão ou torradas. Buon appetito!

SOPA DE LEGUMES

O frio continua e parece que não quer ir embora. Então porque não preparar uma sopa, quente, saudável e muito fácil? Nada de complicado, mas com um toque final intrigante...

Ingredientes:

3 colheres (de sopa) de azeite extra virgem de oliva
1 cebola picada
1 tomate sem sementes picado
1,5 litro de água fervente
2 cubos de caldo de carne
50 g de vagem picada
1 cenoura em cubos
1 batata em cubos
1 chuchu pequeno em cubos
1 abobrinha pequena em cubos
150 g de brócolis (congelados ou frescos)
Sal e pimenta do reino

Preparação:

Em uma panela grande, aqueça o óleo e refogue a cebola até murchar. Junte o tomate e deixe desmanchar. Acrescente a água fervente, os cubos de caldo de carne, a vagem e cozinhe por 10 minutos em fogo médio. Usei o caldo de carne porque vai dar mais sabor a nossa sopa! Junte a cenoura, cozinhe por 5 minutos, junte a batata e cozinhe por mais 10 minutos. Junte o chuchu e a abobrinha e cozinhe por mais 10 minutos. Adicione o brócolis e depois desligue o fogo. Deixe descansar por 10 minutos. Acerte o sal e a pimenta. Sirva em seguida acompanhando com torradas ou fatias de pão (baquete ou italiano) levemente quentes onde anteriormente esfregou um dente de alho ... Uma delicia em simplicidade e sabor!

terça-feira, 12 de outubro de 2010

TAGLIATELLE AO MOLHO DE LARANJA

Ingredientes:

400 g de massa tipo “tagliatelle”
2 laranjas
100 g de ricota
40 g de manteiga
Sal e pimenta do reino
1 xicara (de café) de leite

Preparação:
Lave bem as laranjas. Rale a casca de uma e reserve. Pegue outra e com um cortador de batatas tire a casca formando algumas tirinhas. Corte depois bem fininhas. Coloque estas tirinhas em água fervente por cerca 2 minutos e reserve. Esprema as duas laranjas e coe o suco. Cozinhe o macarrão na forma tradicional. Passe a ricota por uma peneira e adicione um pouco de leite e suco de laranja. Derreta a manteiga e acrescente as tirinhas feitas com a casca das laranjas para que a manteiga absorva o perfume. Junte o creme de ricota e deixe aquecer por alguns minutos, temperando com sal e pimenta. Despeje 2-3 colheres de sopa da água quente onde está cozinhando a massa para amolecer este molho. Acrescente as tagliatelle ainda “al dente” e misture por mais 2 minutos. Polvilhe em cada prato um pouco da casca de laranja ralada.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

RISOTO DE FRUTOS DO MAR

O risoto de frutos do mar (ou em italiano á Pescatora) é um prato da cozinha italiana clássica, excelente nos meses frios tanto nos quentes. Naturalmente, o risoto de frutos do mar terá um tremendo resultado se feito com peixe fresco, apesar de seu custo final de preparação será economicamente mais caro. Embora na aparência possa parecer uma receita muito complexa, na verdade, o risoto de frutos do mar não exige conhecimentos específicos e habilidades na cozinha, é importante escolher com cuidado os peixes com os quais preparar este prato e ter um pouco de paciência.
O risoto com frutos do mar que proponho nesta receita é preparada com mexilhões, vongoles, camarão e lula, mas esse tipo de peixe pode variar dependendo do seu gosto ou de acordo com a disponibilidade de peixes. Muitos também adicionam o polvo e molho de tomate ... depende sempre do gosto de cada um. Lembre-se de uma coisa: com este prato (como com quase todos os pratos com a base o peixe) não se usa o parmesão ralado.

Ingredientes para 4 pessoas:

2 dentes de alho
½ l de caldo de peixe
400 g de lula
1 cebola
800 g de mexilhões
800 g de vongoles (moluscos)
350 g de camarões (grandes e pequenos)
Azeite de oliva extra virgem
Sal e pimenta do reino
Salsinha (uma xicara de leite)
400 g de arroz para risoto
1 copo de vinho branco seco

Preparação:

A primeira coisa a fazer para preparar o risoto com frutos do mar é limpar o peixe. Para as vongolas: escolha uma por uma, descartando as quebradas e as coloque de molho (de preferência durante uma noite) em uma bacia de água fria. Para os mexilhões: os limpe por fricção, com uma malha de aço sob água corrente.
Eviscere as lulas, tire a pele, lave em água fria corrente, depois corte em rodelas, em seguida, tire as cascas dos camarões e lave bem.
Agora vamos para o cozimento das vongolas e mexilhões. Pegue duas panelas grandes, coloque em uma as vongolas e na outra os mexilhões. Cubra com uma tampa e cozinhe em fogo alto até que todas as conchas não serão abertas (precisará poucos minutos). Quando estes moluscos serão abertos, desligue o fogo, tire a água através de uma peneira e reserve.
Agora tire as cascas, reservando só algumas inteiras (com as cascas) que servirão para a decoração final do nosso risoto. Vamos para o cozimento da lula. Prepare uma mistura com a salsinha, alho, uma pimenta vermelha (inteira ou picada se é do seu gosto um sabor mais forte) e em seguida refogue as lulas. Misture com meio copo de vinho branco e cozinhe até que quando elas se tornam macias. Enquanto isso, prepare o arroz. Em uma panela grande doure a cebola no óleo e em fogo muito baixo, até que a cebola se torne transparente. Acrescente agora o arroz, toste por 2 minutos e adicione a outra metade do vinho branco. Uma vez que o vinho evaporou continue a cozinhar, adicionando um pouco de cada vez, o caldo filtrado dos moluscos. Adicione o camarão, a lula, a salsinha picada e deixe cozinhar por 5 minutos e, se necessário você pode adicionar um algumas conchas de caldo de peixe.
Após este tempo, misturando sempre bem o nosso arroz, adicione os mexilhões e as vongolas também com a casca. Deixe o arroz descansar por alguns minutos e se gostar polvilhe o risoto por cima com um punhado de salsinha picada. Sirva o risoto com frutos do mar enfeitando com os mexilhões inteiros e as vongolas que têm mantido de lado. Buon appetito!

domingo, 10 de outubro de 2010

ROLINHOS DE LINGUADO COM MOLHO DE CAMARÃO

Ingredientes:

6 filés de linguado
150 g de camarões descascados
1 cebola
2 colheres (de sopa) de gengibre picado
2 colheres (de sopa) de vinho branco suave
2 dl de caldo de legumes
½ xícara de leite
20 g de manteiga
1 colher (de sopa) de amido de milho
1 pepino
1 limão
1 punhado de estragão
1 colher de sopa de óleo de girassol
Sal
Pimenta preta em grãos

Preparação:

Descasque a cebola e pique bem. Pegue a metade desta cebola e coloque em uma tigela com o vinho, o gengibre, uma colher de sopa de óleo, uma pitada de sal e um pouco de pimenta. Corte os filés de linguado ao meio no comprimento e polvilhe com a emulsão que preparou antes. Cubra e deixe marinar por 30 minutos.
Derreta a manteiga em fogo baixo e depois coloque em uma panela pequena. Pegue os filés de linguado bem impregnados com a marinada, faça rolinhos e prensa com palitos e coloque na panela com a manteiga. Cozinhe em banho-maria (a vapor) por 6 - 7 minutos. Depois retire os rolinhos da panela, os palitos e mantenha quentes.
Aqueça uma wok ou frigideira grande, coloque o óleo e deixe cozinhar por 2 minutos a cebola restante e o gengibre. Adicione os camarões picados, despeje o vinho restante e cozinhe por 1 minuto. Em uma tigela coloque o caldo, o leite e amido de milho. Misture e despeje a mistura na frigideira. Leve à fervura e cozinhe até o molho engrossar.
Transfira três rolinhos de linguado em cada prato individual, coloque duas colheres de molho de camarão e decore como desejar com o pepino e limão lavados, secos e finamente cortados. Decore com estragão e sirva.